Dezembro_2013. Luna 1 ano. Férias: Barcelona, Genebra e Berna.
Filha, olha só, agora não é hora de andar pelo trem, é hora de descer. Estamos chegando em Genebra, na cidade da tia Nani, amiga antiiiiga que aprendeu a ler e escrever junto com a mamãe.  Ela vai adorar te abraçar. Vamos dar tchau? 
Ela me olhava com uma cara de total compreensão e começava a abanar: bye bye. As pessoas sorriam e abanavam de volta.
Assim foi nossa jornada pelas bandas do velho mundo. Quando imaginei viajar com um bebê e uma mochila, não esperava que nos divertiríamos tanto. Pensei que o fator surpresa nasceria morto por conta de termos alguma programação em razão dela. Morta foi minha imaginação ao pensar essa tolice. Explicávamos a ela nossos movimentos, assim ela ficava tranquila no meio de tanta mudança de local. Antes do diálogo acima acontecer, Luna molhou os pés em Barcelona e limpou a Sagrada Família de tanto engatinhar, andar de lado…a foto abaixo, foi no Cañete, fantástico restaurantes de Tapas por lá.
Deu tudo mais que certo, melhor do que sonhado. Não entrarei em detalhes do que é preciso pensar antes de levar um bebê contigo numa viagem dessas, tem milhares de blogs dando dicas. Eu não consigo pular para o item 2. das listas. Então, fomos bem ao nosso modo, contando com a sorte e lidando com as adversidades, com foco, na hora em que surgirem. Sem reclamações ou peso da existência.
FotoER_No Cañete
Em Barcelona, passávamos os dias inteiros andando pela cidade. As horas de sonecas da moçoila eram respeitadas e coincidiram com a hora da siesta dos catalões. Lá ia ela dormindo no carrinho, cabecinha encostadinha, cara de anjo. Perfeito silêncio, puro mistério, nos becos do Bairro Gótico. Quando acordava, tudo despertava em sincronia, aumentava o  movimento e barulho de novo. Até  que cruzávamos por uma praça, um parquinho no meio. Não resistíamos. Ela brincava feito louca. Os parquinhos para crianças em Barcelona são um capítulo a parte. Uma coisa bonita de se ver. Era hora de brincar e cantar: Barcelona para las niñas. Ela morria de rir. Um encanto empolgado.
Bom, mas o nobre leitor, espera algum relato de desastre natural inerente ao fato de viajar com crianças. Então lá vai uma parte da verdade. Vou contar alguns pontos considerados antes da partida. Sim, as expectativas não podem ser as mesmas que vibravam quando viajámos em dupla, só nós dois, romanticamente. Mas isso nem poderia ser pensado na nossa rotina atual, cuidando dela solitos como fazemos aqui. Sim, podemos ter refeições caóticas e ter que achar soluções rápidas um bocado de vez ao dia. A boa notícia é que tudo é possível, inclusive, boas surpresas.
Encarei a viagem como as pressões do parto natural. Estava achando tudo sempre ótimo, imaginando que algo poderia piorar lá na frente. Como na comparação, tudo saiu melhor que o esperado. Sem dor, sem pranto. Só alegria. Inverno no Canadá. Por lá, o sol raiava cedo e elevava a temperatura a quase 18’C. Anote: era inverno. Qualquer coisa acima de zero, para nós, era primavera.
Teve uma noite, pra ser sincera, mais de uma, que saímos do hotel com a expectativa nula de ter um jantar maravilhoso. Tem restaurantes fantásticos nos bairros bacanas de Barcelona, e muitos são pequenos, aconchegantes. Meu cérebro costurado não imaginava uma saída para nossa noite. Luna jantada, dormia cedo. Lá se janta tarde. Se ela tivesse acordada, tranquilo de achar uma cadeira alta e pô-la sorridente a comer o que estivéssemos comendo. Mas como entrar com carrinho num lugar assim, romantic? Ela acordaria também. Not good! Lugares grandes e iluminados não me agradam…então?
FotoER_el salvador da noite
Porém, ah, porém…andando pelo El Born, numa linda noite de temperatura amena, passamos por um restaurantezinho perfeito. Parei e fiquei pensando em como a gente é limitado por não saber desejar. Eu né. Fiquei trabalhando com o problema e não poderia achar solução melhor. Mesas na rua, tudo a luz de velas, sem vento. Não sei como eles consideram isso inverno. Tinha até cobertorzinhos para garantir o esquentamento todo. Estacionamos alegremente a Luna ao lado e partimos para bela experiência gastronômica. Começaria com vinhos espanhóis…beringenas au miel...nem te conto que matamos a sobremesa, o café e o vinho final. Se você tem bebê sabe o quanto isso é fantástico numa circunstância de total relaxamento. Luna vai e volta dormindo. Chocante! Tivemos um jantar romântico, longo, leve e não interrompido. Saímos de lá  flutuando pelas ruelas, observando cada coisa nova sem pressa. Com aquela paz no peito que sentimos toda vez que ela dorme protegida e nós somos a felicidade em forma de par.
Como essa, teria outras historietas, mas a coisa ia ficar longa demais. Deixo para outro post. Esse foi para ilustrar a bela brincadeira de se aventurar com os filhos pelo mundo, sem medo de ser feliz. Isso sem contar a satisfação de proporcionar tantos novos horizontes aos pequeninos e aos nossos fatigados olhos de pais de bebê. Claro que conhecer a cria é o grande pulo do gato, dá para antecipar qualquer coisa, conhecemos os sinais. Intuição ligada, alma escancarada e volare…Um escape assim, pode mudar o modo como olhamos a experiência de ser, agora, uma família.

Quando Luna nasceu eu já era passarinha migrante retirante, morando em Toronto e com o coração solto no mundo. Vivo querendo dar um tombo na rotina e sair voando por ai, sem rumo. Um dia me defini como gaúcha, colorada escorpiana e advogada. Hoje não tenho mais pretensões definidoras. Já entendi que somos transformações pesáveis. Sou um pouco escritora, fotógrafa amadora, inquieta faceira e viajante por qualidade de alma. Ser livre, pelo menos acreditar que tenho escolha é o que me faz viver e crer que a vida é boa. Estou aqui online, mas sou quase analógica. Movida a vinho, lápis, livro e caderninho. Chamego e leveza são palavras que me abraçam. Abri esse canal pra conversar contigo. Quero saber de ti...o que te move, corazon?

0 comentário em “Europa com bebê de 1 ano!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: